• White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

REALIZAÇÃO

APOIO

FINANCIAMENTO

Central terá uma semana de exibição em Porto Alegre

08/11/2017

     Após estreia nacional em março, a produção da Panda Filmes será exibida de 9 a 15 de novembro na Cinemateca Paulo Amorim

 

     Devido ao grande apelo do público, o documentário Central – O poder das facções no maior presídio do Brasil, dirigido por Tatiana Sager, entra novamente em circuito comercial em Porto Alegre. O filme, que tem roteiro e codireção do jornalista Renato Dornelles, será exibido de 9 a 15 de novembro na Cinemateca Paulo Amorim, às 19h. A falência do sistema prisional é evidenciada a partir da realidade do maior presídio do país, que sofre com uma superlotação crônica e cujo controle, a partir do portão das galerias, é exercido pelos próprios presos, na maioria dos casos, líderes de facções criminosas.

 

 

 

     O filme, que chegou a levar mais de 15 mil pessoas aos cinemas no primeiro semestre, foi recentemente premiado no Barcelona Planet Film Festival, na Espanha. A diretora Tatiana Sager ganhou o prêmio "Best Woman Filmmaker" [Melhor Cineasta Mulher] pela sua produção. Além da categoria premiada, o título foi indicado para Best Documentary Feature Film [Melhor Documentário em Longa-Metragem].

 

 

Cinema com audiodescrição aberta

 

     Porto Alegre também ganhará uma sessão acessível do documentário durante essa semana de programação. O filme com o recurso da audiodescrição aberta, produzido pelo Estúdio Som da Luz, será exibido na terça-feira (14), às 19h. Apesar do público preferencial da audiodescrição ser aquele constituído por pessoas cegas ou com baixa visão, os cinéfilos em geral também podem se beneficiar do recurso. “A audiodescrição aberta cria um ambiente de inclusão, pois incluiu espectadores cegos dentro de uma mesma sala de cinema sem segmentar o público. Ficamos muito felizes da Panda Filmes enxergar a importância dessa ferramenta, que contribui com o processo de percepção, compreensão e fixação das informações mais importantes de uma obra de certa forma para todos”, aponta Sidnei Schames, sócio do Som da Luz.

 

     A audiodescrição é um recurso que consiste na descrição clara e objetiva de todas as informações que compreendemos visualmente e que não estão contidas nos diálogos, como expressões faciais e corporais que comuniquem algo, informações sobre o ambiente, figurinos, efeitos especiais, mudanças de tempo e espaço, além da leitura de créditos, títulos e qualquer informação escrita na tela. A técnica permite que o usuário receba a informação contida na imagem ao mesmo tempo em que esta aparece. Esse recurso tem também grande potencial como ferramenta de apoio a pessoas com dificuldade de aprendizagem ou alguma deficiência intelectual.

 

Ficha Técnica

Produção: Som da Luz

Narração: Elisa Fernandes

Roteiro: César Fraga

Revisão: Mariana Dairele

 

Informações de horários, sala e preço dos ingressos, acesse: https://www.centralofilme.com.br/onde-assistir

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload